Post image

IBGE lança 2ª edição do Manual Técnico de Avaliação da Qualidade de Dados Geoespaciais

A publicação contém normas internacionais ISO, especificações técnicas nacionais e indicações bibliográficas, para orientar a elaboração e o controle de qualidade de produtos geoespaciais. Esta segunda edição traz diversas atualizações, com destaque para a ampliação do catálogo de medidas de qualidade. O arquivo do manual em formato PDF pode ser acessado gratuitamente aqui.

As informações geoespaciais – mapas, cartogramas, atlas nacionais e temáticos, imagens ortorretificadas, bases cartográficas etc. – são referências para o conjunto da sociedade, no âmbito das políticas públicas, das pesquisas acadêmicas ou, ainda, das obras de infraestrutura, entre outros exemplos. Sua produção exige a adoção de padrões de qualidade e o acompanhamento da evolução tecnológica na área das geociências. O Manual Técnico de Avaliação da Qualidade de Dados Geoespaciais sistematiza esses padrões e apresenta uma metodologia de avaliação qualitativa.

Além dos elementos de qualidade, a publicação aborda formas de inspeção, planos de amostragem, a inclusão dos indicadores de qualidade do dado em seus metadados e relatórios de qualidade. As métricas podem ser utilizadas na inspeção de produtos geoespaciais finalizados ou em processo de produção.

Em sua 2ª edição, esse manual apresenta atualizações, diferentes abordagens e ajustes no conteúdo, com destaque especial para o complemento do catálogo de medidas de qualidade. Mais abrangente e detalhado do que na 1ª edição, esse catálogo deverá constantemente orientar os produtores ao longo do processo de inspeção de qualidade.

Fonte: IBGE